quarta-feira, dezembro 1, 2021
spot_img

Principais seguros para o TRC

TRANSPORTAR SEM ESSES SEGUROS É UM RISCO ENORME

Uma das principais funções do seguro é reparar as perdas financeiras decorrentes de um sinistro, restabelecendo o equilíbrio financeiro e a continuidade da operação. Por isso, reunimos os 05 principais seguros que uma empresa transportadora deve contratar para cumprir as exigências legais existentes e evitar problemas no dia a dia de suas atividades:

1 – RCTR-C Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário – Carga

Seguro Obrigatório que deve ser contratado para garantir o reembolso pelas perdas e danos ocorridos, com as mercadorias transportadas, em caso de ACIDENTES rodoviários ocorridos durante a viagem rodoviária

2 – RCF-DC Responsabilidade Civil Facultativa do Transportador por Desaparecimento de Carga

Seguro facultativo que garante o reembolso pelas perdas em função do roubo ou desaparecimento das mercadorias transportadas ocorridas durante a viagem rodoviária.

3 – RC Ambiental

Seguro facultativo que garante o reembolso pelos danos causados à natureza decorrência de um acidente rodoviário e causados diretamente pelas mercadorias transportadas

4 – Frota

Existe para garantir a indenização pelas perdas e danos ocasionados ao veículo transportador e a terceiros durante a viagem rodoviário dentro do território brasileiro ou em países do Mercosul

5 – APP – Acidente Pessoal Passageiros

Tem como objetivo indenizar as vítimas (motorista e ajudante) contra acidentes ocorridos com o veículo segurado e tem cobertura para Morte Acidental, Invalidez Permanente por acidente e Despesas Médicas/Hospitalares, 24 horas por dia e em qualquer lugar do Brasil

Segundo Roberto Kussaba, diretor da SAFESEG, que há 30 anos atua no setor, é fundamental a assessoria de uma corretora de seguros para garantir as melhores contratações de apólices, com seguradoras especializadas em transporte e logística. “Transportar sem esses seguros é um risco enorme para as empresas, e pode acarretar grandes prejuízos”, afirma Kussaba.

RELATED ARTICLES

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

spot_img

REVISTA TRANSPODATA

spot_img

Mais lidas

spot_img