terça-feira, dezembro 7, 2021
spot_img

GRU Airport Cargo atinge 42% de market share de movimentação

HomeConexão BrasilAéreoGRU Airport Cargo atinge 42% de market share de movimentação

Resultado consolida Terminal de Cargas de GRU Airport Cargo como principal complexo logístico aeroportuário do Brasil

O Terminal de Cargas (Teca) do Aeroporto Internacional de São Paulo, administrado pela GRU Airport Cargo, na cidade de Guarulhos – SP, atingiu 42% do market share, em 2018.

As 305.904 toneladas transportadas no ano passado representam 8% de acréscimo ao volume movimentado em 2017. Foram importadas 161.366 T (+9%) e exportadas 144.538 T (+7%) de mercadorias pelo terminal. Também em 2018 foi registrado o recorde histórico de importações no Teca, com 14.793 T. Já neste primeiro trimestre de 2019, o volume de cargas transportadas foi de 68.533 T, no total.

Outro marco importante do período foi o crescimento de 35% de voos cargueiros no volume total de carga importada. Essencial para este crescimento registrado foi a conquista de novas frequências de voos cargueiros regulares procedentes. Tudo de lugares como Europa, Estados Unidos e Ásia, operados por diversas companhias conhecidas. Com isso, importadores e exportadores contam com maior capacidade para embarques que requerem aeronaves puramente cargueiras.

Os resultados são consequência de diversos fatores. Entre eles os fatos de GRU se interligar com todas as grandes cidades do Brasil, e ainda 31 países. São mais de 750 voos diários, operados por 43 empresas aéreas nacionais e internacionais, para 100 aeroportos. Os números configuram o terminal de cargas de GRU Airport como terminal de maior malha aérea da América Latina. Além disso, maior capacidade para carga nos voos internacionais.

Nos últimos anos, o Aeroporto Internacional de São Paulo investiu em melhorias operacionais e de infraestrutura, adiantando-se às exigências do setor de transporte de cargas. Os investimentos no Teca realizados desde 2013 já proporcionaram o aumento de 76% na capacidade de armazenagem. O aeroporto investe também na automação do seu processo, melhorando a eficiência dos prazos médios de desembaraço, e na oferta de serviços de valor agregado para seus clientes.

Expectativas do GRU Airport Cargo

Para 2019, é esperada a entrega da antecâmara para climatização, com 800 metros quadrados. O espaço contará com 360 posições porta paletes para cargas que requerem temperatura ambiente entre 16°C e 22°C. Também para este ano está prevista a entrega do novo armazém dedicado a cargas perigosas e a readequação dos armazéns alfandegários, com ganho estimado de 5 mil metros quadrados de área.

Por fim, no que se refere à qualidade com que GRU Airport se propõe a entregar, o aeroporto almeja obter até o final deste ano, a certificação IATA CEIV PHARMA, que avalia os mais altos índices de segurança, conformidade e eficiência em instalações, equipamentos, operações e profissionais relacionados ao setor farmacêutico.

RELATED ARTICLES

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

spot_img

REVISTA TRANSPODATA

spot_img

Mais lidas

spot_img